Estudo sobre medições quânticas é destaque na SBF

 

Trabalho destacado pela Sociedade Brasileira de Física é fruto da tese de doutorado de Leonardo Guerini

 

Um grupo de pesquisadores investigou, do ponto de vista da física teórica, quais medições podem ser simuladas. O resultado do estudo foi descrito no artigo Simulating positive-operator-valued measures with projective measurements, publicado na revista Physical Review Letters. A pesquisa, que contou com a participação de Leonado Guerini, doutor pelo Programa de Pós-graduação em Matemática do Instituto de Ciências Exatas da UFMG (Icex), recebeu destaque da Sociedade Brasileira de Física (SBF).

Segundo Guerini, o artigo aborda o conceito de singularidade projetiva e medições quânticas. “É um sistema que apresenta vantagens sobre outras medições. Pesquisas neste campo são importantes para os ramos cada vez mais ativos de medições, como a arquitetura e o processamento de informação por vias quânticas”, exemplifica.

Em sua tese de doutorado, defendida no mês passado, Leonardo Guerini tratou de modelos locais de estados quânticos. “Quando fazemos uma medição no sistema quântico, não temos uma resposta determinada, pois se trata de um processo probabilístico”, explica. No artigo, o pesquisador descreve o conjunto de probabilidades que ocorre quando o sistema quântico é medido por meio do modelo de variáveis ocultas locais. 

“Dentre todas as medições, existem as projetivas, que reúnem propriedades que as tornam mais fáceis de serem realizados e analisadas. No artigo, simulamos uma medição não projetiva usando uma medição projetiva”, afirma.

A pesquisa foi feita por meio de parceria entre a UFMG e o Instituto de Ciências Fotônicas de Barcelona (ICFO). O artigo Simulating positive-operator-valued measures with projective measurements está disponível na internet

Assista ao vídeo publicado pela Sociedade Brasileira de Física, no qual Leonardo Guerini explica o estudo.

Última modificação em Quinta, 13 Junho 2019 13:33